Total de visualizações de página

segunda-feira, 18 de março de 2013

O CENTRO DE ESTUDO E PESQUISA DO FUTEBOL PERNAMBUCANO


Ato de inauguração


No ano passado, mais precisamente no dia 27 de novembro de 2012, a Federação Pernambucana de Futebol inaugurou o Centro de Estudo e Pesquisa do Futebol Pernambucano e Biblioteca Nelson Rodrigues, a primeira do Estado com o futebol como tema central.
Um vasto acervo sobre a história do esporte está à disposição do público: são mais de 700 títulos, entre livros, folhetos, documentos e revistas especializadas (nacionais e internacionais), além de símbolos de equipes de todo o mundo (como flâmulas e pins) e informativos da FIFA, Conmebol e CBF.
Agora é possível reviver os títulos, relembrar os ídolos e estudar a evolução do futebol no campo e fora dele.
No evento de inauguração, a FPF promoveu o colóquio Tributo a Nelson Rodrigues, com palestras do ex-ministro Gustavo Krause, do psicólogo Sylvio Ferreira, do economista Alfredo Bertini, do autor Roberto Vieira e do preparador físico e professor Edvaldo Tacão.
O nome da biblioteca é uma homenagem da Federação Pernambucana de Futebol ao jornalista e escritor pernambucano Nelson Rodrigues, que nasceu em Recife, no dia 23 de agosto de 1912, e completaria 100 anos em 2012.
Às 16h30 de 27 de novembro de 2011, o presidente da entidade máxima do futebol em Pernambuco, Evandro Carvalho, recebeu os convidados na sede da FPF para a abertura oficial do centro. Em seguida, os convidados participaram de um coquetel comemorativo. 
 

No centro, nosso amigo Carlos Celso Cordeiro


Com a disponibilização do material do novo centro, a FPF quer contribuir com a pesquisa de jornalistas, escritores e pesquisadores do futebol pernambucano. Nomes que são referência no assunto, como Lenivaldo Aragão, Carlos Celso Cordeiro, Lucídio José de Oliveira, Roberto Vieira, Edgar Mattos, Fernando Menezes, Haroldo Praça, Hélio Pinto e Givanildo Alves, também serão imortalizados no espaço, em galeria de honra exposta para os visitantes.

História do Futebol em Pernambuco

O centro funcionará na sede da FPF, localizada na rua Dom Bosco, no bairro da Boa Vista, área central de Recife.
Está disponível para jornalistas, pesquisadores, estudantes e torcedores em geral. Na campanha de doação foram arrecadados mais de 200 exemplares de livros e revistas.
 
Muitas opções para os pesquisadores

Um dos homenageados do centro de estudo é o jornalista Lenivaldo Aragão. “Em qualquer atividade onde as gerações de renovam muito rápido, a memória tem que ser mantida e isso é uma grande prestação de serviço da Federação”, disse. “Como pesquisador, eu sei da necessidade de se preservar essas obras. Inclusive, doei todos os exemplares da revista Placar, no período em que trabalhei lá, que contém matérias sobre Pernambuco. Se eu precisar, venho aqui e leio”, contou.
 
Nelson Rodrigues Filho ao centro

Nelson Rodrigues Filho prestigiou a inauguração da biblioteca que leva o nome do seu pai.
“Futebol é cultura e no Brasil não dá para falar em cultura sem citar o futebol. Estão muito interligados", disse Nelson Rodrigues Filho, convidado de honra que abrilhantou a inauguração da biblioteca.
A lista de títulos ganhou mais duas obras, cedidas pelo próprio Nelson Rodrigues Filho: A Pátria em Chuteiras e O Profeta Tricolor, ambas de autoria do seu pai.
No evento, Evandro Carvalho, também apresentou a nova Galeria de Honra da FPF homenageando todos os presidentes da história da entidade.
O espaço é aberto ao público e abre às 14h, de segunda à sexta-feira.

Alguns vídeos sobre a biblioteca:

http://globotv.globo.com/rede-globo/globo-esporte-pe/v/fpf-inaugura-biblioteca-voltada-para-o-futebol/2265830/


Nenhum comentário:

Postar um comentário